Comício de Paulo Fubúia(PV) é marcado por vaias de protesto, dentre os mais criticados, aliada de Flavio Dino e o prefeito Kabão

A ex-prefeita de Cantanhede, e agora também ex-diretora do Hospital regional de Matões do Norte, Meire Valéria (PCdoB) foi vaiada em praça publica, por pessoas que protestavam contra Kabão, e contra a candidatura de Paulo Fubúia(PV). Desde o anuncio de seu discurso, a mesma sofreu ao ouvir gritos de protestos contra sua posição de se aliar aquele que até poucos dias dizia ser o atraso, o descaso, o abandono, o desrespeito à sociedade cantanhedense, da noite pro dia, Meire abraça quem não servia e representava um mar de corrupção, e diz ser o melhor pra Cantanhede, sem nenhuma explicação a sociedade muda sua posição. Meire é esposa do secretário adjunto de assuntos políticos do estado Geraldo Nascimento, a qual diz ser amigo do governador Flavio Dino.

As palavras de ordem soavam como “fora traíra” “fora, asfalto não compra o meu voto” dentre palavras mais fortes a qual preferimos não citar. A menção do asfalto trata-se de 5 km de asfalto, obra do governo do estado que começou a ser implantado em ruas da cidade, a qual Meire agora exibe e tenta de certa forma colocar como prêmio pessoal, e que muitos veem como suposto cobrança eleitoral de voto.

Além de Meire Valéria outras pessoas também foram fortemente criticadas e vaiadas, entre elas o próprio prefeito Kabão, que foi chamado de corrupto, e ditador. As vaias só não continuaram porque aliados do Paulo Fubúia,em certo ponto do evento agrediram pessoas que protestavam, e vaiavam os membros do grupo que se pronunciavam em palanque, pacificamente após o episodio de brutalidade se mantiveram no local só que mais afastados. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro

KABÃO COMANDA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO NA SAÚDE DE CANTANHEDE - O esquema envolve irmã, filha, amigos, parentes da secretária de saúde e até uma ex-prefeita comunista.