Pular para o conteúdo principal

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro

Agência Palmeiras

22/12/2010 10h50

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) deu aval para a unificação dos títulos brasileiros a partir de 1959, colocando as conquistas da Taça Brasil e do Roberto Gomes Pedrosa como equivalentes ao Campeonato Brasileiro (disputado a partir de 1971). O Palmeiras --que sempre demonstrou orgulho pelo seu passado glorioso e tratava como legítimos campeonatos brasileiros os títulos conquistados entre 1960 e 1969-- torna-se oficialmente o maior campeão do País com oito conquistas, ao lado do Santos.

Nada mais justo para o futebol brasileiro fazer uma retificação histórica e reconhecer a importância de um período de ouro do futebol brasileiro, que viu desfilar nos campos a elegância e alto nível técnico da primeira Academia palmeirense, que conquistou os títulos de 1960 e 1967, da Taça Brasil, e também dois Roberto Gomes Pedrosa (conhecido na época como “Robertão”), em 1967 e 1969.

Somam-se a estas conquistas o bicampeonato da segunda Academia, em 1972 e 1973, e dos esquadrões da década de 90, em 1993 e 1994, e temos o Palmeiras como legítimo Octacampeão Brasileiro.

O torcedor palmeirense tem outro motivo para comemorar, pois o Verdão ainda conquistou a Copa Brasil, em 1998, e a Copa dos Campeões, em 2000, somando assim 10 títulos nacionais -- oficialmente, portanto, o Palmeiras também é o recordista e maior campeão de títulos nacionais do Brasil.

Dossiê

O dossiê entregue à Confederação Brasileira de Futebol que solicitava a unificação, feito com profunda pesquisa do jornalista Odir Cunha, além de participação efetiva do Departamento de História do Palmeiras, enfatiza que a CBF só foi fundada em 1979 e reconheceu, mesmo assim, os campeões brasileiros desde 1971.

Além disso, frisa Odir Cunha no dossiê, o nome "Campeonato Brasileiro" só foi adotado em 1989 e que, em 2000, ainda foi chamado de Copa João Havelange.

Alguns pontos defendidos pelo dossiê:

- Abrangência: entre 1959 e 1968, as disputas da Taça Brasil foram realizadas com o mínimo de 16 e máximo de 21 clubes;

- Média de público do Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Taça de Prata: 20.152; média de público do Campeonato Brasileiro: cerca de 14.000;

- Alto nível técnico: Palmeiras, campeão em 1967, enfrentou 20 clubes que hoje fazem parte do Clube dos 13. O São Paulo, campeão brasileiro em 1977, enfrentou cinco equipes que fazem parte do Clube dos 13;

- Em 1967 e em 1968 teremos dois campeões nacionais. Há muitos precedentes: em São Paulo, 11 campeonatos estaduais tiveram dois campeões; o Rio-São Paulo de 1966 teve quatro campeões; o Flamengo foi duas vezes campeão carioca em 1979.

Os campeões da Taça Brasil e do Roberto Gomes Pedrosa:

Taça Brasil

1959 - Bahia

1960 - PALMEIRAS

1961 - Santos

1962 - Santos

1963 - Santos

1964 - Santos

1965 - Santos

1966 - Cruzeiro

1967 - PALMEIRAS

1968 – Botafogo

Roberto Gomes Pedrosa

1967 - PALMEIRAS

1968 - Santos

1969 - PALMEIRAS

1970 - Fluminense

Comentários

  1. Caríssimo,

    Deu um problema no domínio do ovianense.com, por favor ajuste em sua lista para o novo endereço: ovianense2.blogspot.com. Agradeço!

    Att. Alexandre Oliveira de OVianense.COM

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Acesse Cantanhede News - faça seu comentário, lembramos que não publicamos comentários de anônimos.

Postagens mais visitadas deste blog

Morre Nilda Rocha, mãe do deputado federal Hildo Rocha

Faleceu no início da noite deste sábado (25/03), a Sra. Nilda Pereira da Rocha, aos 77 anos de idade, vítima de parada cardíaca.

Nilda Rocha estava internada na UTI do Hospital Português desde o dia 14 deste mês.

Viúva, empresária aposentada, Nilda Rocha deixa os seguintes filhos: Jório Pereira da Rocha Júnior; Hildo Rocha; Fabiola da Rocha Monte; Joni Pereira da Rocha; onze netos e cinco bisnetos.

O velório será na sala 3 da Pax União, Rua Osvaldo Cruz, 1233, Canto da Fabril, a partir da meia-noite.

O enterro será amanhã (26/03) às 16 horas, no cemitério Memorial Pax.
Rua do Fio 100. Rodovia MA - 204. Mocajituba.

Cantanhede adere a protestos contra a reforma da Previdência.

O Sintaspunc realizou uma caminhada pelas ruas da cidade para protestar contra a Reforma da previdência, e demandas específicas da categorias, além de pedido pela saída de Temer da presidência.

O protesto nacional foi convocado para esta quarta-feira(15) por sindicatos de classes, partidos políticos de oposição ao governo federal e ao presidente Temer, têm como objetivo principal a luta contra a reforma da Previdência. Em Cantanhede os manifestantes andaram pelas ruas da cidade, com paradas em pontos específicos como a frente da prefeitura municipal, e Secretaria de Educação.O protesto realizado por parte dos professores, incluem a greve de 24 horas na rede municipal de ensino.

Dentre tantas outras reivindicações locais, a frase “Fora, Temer” estava em faixas conduzidas por manifestantes.

NANDO AGUIAR, QUEM É? DE ONDE VEIO E QUAL SEU OBJETIVO NA CÂMARA DE VEREADORES DE CANTANHEDE?

A pergunta que não quer calar, qual objetivo da presença, e até da participação na tribuna da câmara de vereadores de Cantanhede, de Nando Aguiar? Será que os vereadores Emerson Costa e Jairon Dantas não são capazes de se defenderem sozinhos? Até agora várias pessoas não entenderam porque Nando Aguiar teve o privilégio de se manifestar na tribuna na sessão desta segunda-feira, atribuindo a si a vinda da chamada “carreta da mulher” para Cantanhede e dizer que foi um pedido de vereadores ligados ao governo do estado, Nando pra quem não sabe é da cidade de Miranda do Norte, e ocupa o cargo politico nominado superintendência regional de articulação política, dizem pela região que o mesmo tenta credenciar-se a candidato a deputado estadual, e que têm procurado aliados, e feito ações na região para conseguir tal feito, dentre elas levando a tal “Carreta da mulher” para as cidades da região, na desculpa de divulgar o seu nome e o de seu chefe maior o governador Flavio Dino. Após teatro de Na…