Intervenção de Hildo Rocha favoreceu entrega de mil casas em Buriticupu


Em solenidade que contou com a participação do deputado Hildo Rocha, o prefeito de Buriticupu, Zé Gomes, entregou, sábado (25), as chaves das casas do Conjunto Residencial Eco Buriticupu I e II.  O ato, realizado na Praça de Eventos, foi supervisionado pelo representante da Caixa Econômica Federal, Wilques Sousa. O evento foi prestigiado por secretários municipais e vereadores.




Empenho
O prefeito Zé Gomes disse que o empenho do deputado Hildo Rocha foi decisivo para agilizar a entrega dos imóveis. “Eu mostrei ao deputado que as pessoas credenciadas para receber os imóveis estavam passando por dificuldades e cobrando a entrega, que dependia apenas de alguns procedimentos administrativos por parte do Ministério das Cidades. O deputado assumiu o compromisso de nos ajudar, mas eu imaginei que isso levaria de 30 a 40 dias. Felizmente, para a nossa surpresa, quatro dias depois o deputado ligou avisando que tratou do assunto com o Ministro das Cidades e a entrega foi imediatamente autorizada”, destacou Zé Gomes.

Nova realidade
O prefeito destacou ainda que Buriticupu virou uma página da história. “Parece que as autoridades de Buriticupu tinham prazer de mostrar só escândalos. Mas agora nós estamos tendo o prazer de ver o nosso deputado Hildo Rocha mostrando para o mundo que Buriticupu tem ações positivas e que o prefeito consegue trazer essas ações para a população”, declarou o prefeito.

Investimentos
Zé Gomes destacou ainda que no momento em que o país passa por uma crise aguda, especialmente no setor da saúde, Buriticupu foi o município maranhense que recebeu mais recursos para investimentos no setor, graças ao empenho do deputado Hildo Rocha. “Foi Deus que colocou Hildo Rocha no nosso caminho, para nos ajudar. Nenhum outro deputado federal fez isso por Buriticupu”, enfatizou. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro

KABÃO COMANDA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO NA SAÚDE DE CANTANHEDE - O esquema envolve irmã, filha, amigos, parentes da secretária de saúde e até uma ex-prefeita comunista.