SINDSEP denuncia desvios de recursos na educação em Pirapemas

Levantamento realizado pelo SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE PIRAPEMAS - SINDSEP, constataram que em Pirapemas o desvio de recursos na Educação não teve limite no ano passado. Foram encontradas várias irregularidades na aplicação de recursos do FUNDEB, o que impossibilitou o município em cumprir com a Lei que estabelece o Piso Nacional da Educação. Desde 2009, o SINDSEP vem cobrando explicaçãoes do atual prefeito Eliseu Moura sobre o não cumprimento da Lei Nacional. No entanto, essa parece não ser a menor das preocupações do atual gestor.

Enquanto isso a qualidade do ensino fica prejudicada e só quem sofre é a população carente do nosso município.Existem casos de pessoas que recebem pela educação, como professor nível 2, têm duplo contrato, ou seja, a mesma pessoa contratada duas vezes. Porém, essa pessoa exerce outra função em outra secretaria diferente daquela de onde sai o recurso.

Levamos os casos às autoridades competentes, que dizem estar tomando as providências cabíveis.

Não divulgamos os valores para por questões de segurança, mas, você leitor inteligente, basta saber qual é o salário pago atualmente para um professor em nossa cidade. Daí fica fácil deduzir os prejuízos sofridos pelos profissionais que verdadeiramente trabalham.


Esperamos, sinceramente, que sejam punidos todos os culpados pelos prejuízos causados ao erário público em Pirapemas.



FONTE: PIRAPEMAS.COM

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro

KABÃO COMANDA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO NA SAÚDE DE CANTANHEDE - O esquema envolve irmã, filha, amigos, parentes da secretária de saúde e até uma ex-prefeita comunista.