Cantanhede estará na II Conferência Nacional de Economia Solidária.

Aconteceu na ultimo dia 30 de abril e 1° de maio ,no auditório do Hotel Abreville, em São Luís a II Conferência Estadual de Economia Solidária que reúniu mais de 200 participantes vindos dos Territórios rurais do Maranhão. A promoção da conferência é da Secretária de Estado de Trabalho (Setres), Fórum Estadual de Economia Solidária e Superintendência Regional do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Cantanhde esteve representada por 2(dois) delegados eleitos na II conferência territorial dos territórios do munim/Itapecuru que aconteceu em Santa Rita, José de Ribamar Cutrim e Valdomiro Araújo,o primeiro representando o poder publico, e o segundo empreendimentos,ambos concoreram e foram eleitos delegados e representarão o municipio na II coferência nacional de economia solidária que acontecerá em Brasilia de16 a 18 de junho.

As conferências públicas são momentos prívilégiados de participação ativa da sociedade nos debates sobre temas e questões que dizem respeito a sociedade, oferecendo subsídios aos órgão governamentais na formulação e avaliação da execução de políticas publicas.

Foram objetivos da II conferêcia estadual de economia solidária:

I - Realizar um balanço sobre os avanços, limites e desafios da Economia Solidária e das Políticas Públicas de Economia Solidária no atual contexto socioeconômico, político, cultural e ambiental nacional e internacional.

II - Avançar no reconhecimento do direito a formas de organização econômica baseadas no trabalho associado, na propriedade coletiva, na cooperação, na autogestão, na sustentabilidade e na solidariedade.

III - Propor prioridades, estratégias e instrumentos efetivos de políticas públicas e programas de economia solidária, com participação e controle social.

IV - Promover o conhecimento mútuo e a articulação dos Poderes Públicos, das organizações e sujeitos que constroem a Economia Solidária.

V - Eleger 52 delegados/as maranhesens a II conferencia nacional de economia solidária,conforme estabelecido no regimento geral da conferência nacional.
 
O que é Economia Solidária?

Economia Solidária é um jeito diferente de produzir, vender, comprar e trocar o que é preciso para viver. Sem explorar os outros, sem querer levar vantagem, sem destruir o ambiente. Cooperando, fortalecendo o grupo, cada um pensando no bem de todos e no próprio bem.

A economia solidária vem se apresentando, nos últimos anos, como inovadora alternativa de geração de trabalho e renda e uma resposta a favor da inclusão social. Compreende uma diversidade de práticas econômicas e sociais organizadas sob a forma de cooperativas, associações, clubes de troca, empresas autogestionárias, redes de cooperação, entre outras, que realizam atividades de produção de bens, prestação de serviços, finanças solidárias, trocas, comércio justo e consumo solidário.

Nesse sentido, compreende-se por economia solidária o conjunto de atividades econômicas de produção, distribuição, consumo, poupança e crédito, organizadas sob a forma de autogestão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro

KABÃO COMANDA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO NA SAÚDE DE CANTANHEDE - O esquema envolve irmã, filha, amigos, parentes da secretária de saúde e até uma ex-prefeita comunista.