Justiça mantém afastamento do prefeito de Lago Verde e o sequestro de seus bens

Do Blog do Mario Carvalho:

O juiz Wilson Manoel de Freitas Filho, titular da 3ª Vara, que está respondendo pela 1ª Vara da comarca de Bacabal, mantém a decisão prolatada nos autos da Ação Civil de Improbidade Administrativa [nº 405/2010], impetrada pelo Ministério Público Estadual de afastar do cargo o prefeito de Lago Verde, Raimundo Almeida (PP/ foto).

Em seu lugar permanece na condição de prefeito da cidade, o vice Olivar Lopes (PSL), que vem tentando administrar o município, mesmo depois do prefeito afastado ter contabilizado um prejuízo ao erário público de Lago Verde da ordem de R$ 936.300,00, oriundos de recursos de transferências das contas do Fundeb (Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica), da Saúde, além de transferências constitucionais do FPM (Fundo de Participação do Município).

Os saques feitos pelo prefeito afastado Raimundo Almeida ocorreram entre os dias 9 de 10 de fevereiro deste ano, tão logo o acusado obteve liminar favorável em anterior mandado de segurança (Processo 173/2010), datada de 8 de fevereiro de 2010, contra ato da Câmara Municipal de Lago Verde, que afastou o prefeito temporariamente e cuja liminar foi cassada pelo Tribunal de Justiça, no dia 10 de fevereiro.

Mediante a gravidade dos fatos, o juiz Wilson de Freitas deferiu pela manutenção do afastamento do prefeito Raimundo Almeida, além de decretar o sequestro dos seus bens.

Comentários

  1. O SR COLUNISTA POR GENTILEZA COLOQUE EM SEU BLOG TBM O RETORNO DEFINITIVO DO PREFEITO NAO NOTICIE SOMENTE COISAS RUINS

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Acesse Cantanhede News - faça seu comentário, lembramos que não publicamos comentários de anônimos.

Postagens mais visitadas deste blog

KABÃO COMANDA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO NA SAÚDE DE CANTANHEDE - O esquema envolve irmã, filha, amigos, parentes da secretária de saúde e até uma ex-prefeita comunista.

CBF unifica títulos e oficializa Palmeiras como maior campeão Brasileiro